Entrevista a Jesús Sánchez - SAAB 91 PETITION AND SUPPORT GROUP

  • strict warning: Non-static method view::load() should not be called statically in /home/mt/public_html/sites/all/modules/views/views.module on line 879.
  • strict warning: Declaration of views_handler_filter::options_validate() should be compatible with views_handler::options_validate($form, &$form_state) in /home/mt/public_html/sites/all/modules/views/handlers/views_handler_filter.inc on line 0.
  • strict warning: Declaration of views_handler_filter::options_submit() should be compatible with views_handler::options_submit($form, &$form_state) in /home/mt/public_html/sites/all/modules/views/handlers/views_handler_filter.inc on line 0.
  • strict warning: Declaration of views_handler_filter_boolean_operator::value_validate() should be compatible with views_handler_filter::value_validate($form, &$form_state) in /home/mt/public_html/sites/all/modules/views/handlers/views_handler_filter_boolean_operator.inc on line 0.
  • strict warning: Declaration of views_handler_filter_term_node_tid::value_validate() should be compatible with views_handler_filter::value_validate($form, &$form_state) in /home/mt/public_html/sites/all/modules/views/modules/taxonomy/views_handler_filter_term_node_tid.inc on line 0.
  • strict warning: Non-static method view::load() should not be called statically in /home/mt/public_html/sites/all/modules/views/views.module on line 879.
  • strict warning: Non-static method view::load() should not be called statically in /home/mt/public_html/sites/all/modules/views/views.module on line 879.
  • strict warning: Non-static method view::load() should not be called statically in /home/mt/public_html/sites/all/modules/views/views.module on line 879.
  • strict warning: Declaration of views_plugin_row::options_validate() should be compatible with views_plugin::options_validate(&$form, &$form_state) in /home/mt/public_html/sites/all/modules/views/plugins/views_plugin_row.inc on line 0.
  • strict warning: Declaration of views_plugin_row::options_submit() should be compatible with views_plugin::options_submit(&$form, &$form_state) in /home/mt/public_html/sites/all/modules/views/plugins/views_plugin_row.inc on line 0.
  • strict warning: Non-static method view::load() should not be called statically in /home/mt/public_html/sites/all/modules/views/views.module on line 879.
  • strict warning: Non-static method view::load() should not be called statically in /home/mt/public_html/sites/all/modules/views/views.module on line 879.
  • strict warning: Declaration of views_plugin_style_default::options() should be compatible with views_object::options() in /home/mt/public_html/sites/all/modules/views/plugins/views_plugin_style_default.inc on line 0.
SAAB 91 PETITION AND SUPPORT GROUP

Já imaginou, se pudesse criar um automóvel construído com as suas preocupações ideias e sugestões entre os 12 mil e 19 mil euros?

Pois foi o que pensou Jesús Sánchez, natural de Espanha, com a criação do grupo no facebook - SAAB 91 PETITION AND SUPPORT GROUP. Grande aficionado pela marca Sueca Saab e muito preocupado com o destino da Saab, Jesús pretende com este grupo criar um automóvel dirigido principalmente para o mercado jovem e ajudar a expandir a marca Saab para níveis sem precedentes.

MaisTuning - O que significa para si a marca Saab?

Jesús Sánchez - Se eu tivesse de dizer o que a marca Saab significa para mim, eu usaria as palavras que Victor Muller usou na conferência de imprensa depois da dolorosa negociação com a GM, e ele disse: “ Saab representa o pensamento independente”. Podemos ver facilmente pelas suas palavras que Muller é um verdadeiro fã da Saab, porque as suas palavras exprimem o espírito que vive em qualquer fã um pouco por todo o mundo, o espírito de quem trabalha para esta marca que é absolutamente icónico para nós. Dando uma “descrição digital” sobre o seu significado, “Saab é a Apple Macintosh da indústria automóvel.

MaisTuning - Qual foi a razão ou razões que o levaram a criar o grupo no Facebook?

Jesús Sánchez - Bem… foram muitas as razões, mas a principal foram as famílias que estão a trabalhar para a Saab através das “agências de emprego”. No outro dia tive conhecimento de que a GM esvaziou as instalações da Saab e demorou algum tempo a colocar tudo em funcionamento novamente. Temos de encontrar o lado humano da questão e imaginar que estamos lá, e vemos como o nosso trabalho pode voar directamente para o caixote do lixo. Por isso a minha principal preocupação é ajudar essas pessoas. Eu estou preocupado sobre o futuro dos empregados e eu disse que tínhamos de fazer algo e fizemo-lo.

MaisTuning - Quais são os principais objectivos para o grupo?

Jesús Sánchez - Existem muitos objectivos para este grupo e que são importantes para nós. Um deles é mostrar até onde pode ir o potencial humano. Ora vejamos, neste mundo governado pelo dinheiro, muitas coisas não podem ser compradas pelo dinheiro. Todos os fãs que estão nas manifestações para salvar a marca sentem que um pouco das suas vidas também pode ser jogado fora apenas por pura cortesia da GM, de modo que é uma manifestação pelas suas crenças e o amor à marca. Os nossos principais objectivos são dar um futuro à empresa e economicamente é claro que é necessário um carro de gama baixa para se sobreviver. Não é necessário ter um diploma para perceber isso, é apenas senso comum. É muito triste que o antigo gestor da GM, apesar da sua vasta colecção de génios no conselho de administração, nunca tenham sido capazes de entender isso.

Nós até fizemos um estudo sobre os prejuízos da Saab e chegamos à conclusão de que a companhia estava perdendo dinheiro (a uma velocidade de 435 milhões de dólares por ano). Em outras palavras, basta imaginar 1.583 estádios das dimensões do Råsunda Stadium, na Suécia. E agora vamos mudar a cor da relva para a cor das notas de 500€ o que lhe dá uma ideia do dinheiro que se estava a perder pelo simples facto de a Saab não lançar um carro de gama baixa como o 91. E nós somos fortes nessa base, tem que ser chamado SAAB 91. Historicamente, deve ser dessa maneira. É uma homenagem a um pequeno avião, o SAAB 91 Safir, curiosamente produzido na Suécia e também nos Países Baixos. A história juntou novamente os dois países para salvar a marca , então deve ser 91.

No início eu estava assustado com a aquisição da Saab pela Spyker, inicialmente, seguiu o objectivo de obter a marca Saab para torná-la uma marca super-hiper-ultra-exclusiva criando apenas o Aero X e descontinuando todos os outros modelos, mas pelo vejo até agora, parece-me que Muller está agindo como um verdadeiro fã da Saab. No entanto, vamos ver o que o futuro nos reserva.

MaisTuning - Os objectivos que foram traçados para o grupo estão sendo alcançados?

Jesús Sánchez - Não e nunca estarão! Se nós cumprirmos todas as metas e se não pensarmos, “hey… nós podemos fazer isto melhor”, então teríamos de dizer adeus e fechar. Não, não neste momento. Estamos empenhados em mudar muitas coisas. Por exemplo, queremos que o SAAB 91 inclua verdadeiros sistemas aeronáuticos. Se analisarmos o que se fez para o Lamborghini Reventón, podemos ver, com todo o meu respeito pela Lamborghini, uma adaptação muito ruim do que um carro que pretende ser aeronáutico deve ser. Onde está o sistema aeronáutico no Reventón? Eu não vejo um EICAS (Engine Indicating and Crew Alerting System), eu não vejo um PFD (Primary Flight Display), onde está o ND (Navigation Display)?

Se perguntarmos a um piloto real, vai dizer o mesmo que eu estou a dizer agora. Bem, estamos a tentar mudar isso tudo. E o que é que nós fizemos? Pedimos a pilotos de verdade, foi isso que fizemos. Estamos mantendo contacto com os pilotos da Airliner para nos ajudar a adaptar o carro por dentro, para olhar e sentir o mesmo como se de um avião se tratasse. A nossa ideia é contar aos clientes do SAAB 91 o seguinte... “Se planeia comprar um carro, terá de o comprar noutro lugar”, isto é uma implementação de um avião na estrada e a partir do momento que você entra aqui, você deixa de ser um condutor, passa a ser um piloto.

Queremos que o SAAB 91 substitua os tradicionais medidores de velocidade, com uma solução muito simples, uma tela semelhante à do IPAD da Apple. Nessa tela, terá todos os sistemas aeronáuticos de um avião, EICAS, PFD, ND. Estamos tentando criar uma verdadeira inovação para o 91. Queremos também que a chave inclua um cartão MicroSD onde se pode armazenar todos os dados do carro, o consumo de combustível, a quilometragem, os serviços, a chave será um centro de diagnósticos e armazenamento de dados, que se pode inserir num PC ou portátil para download todos os dados em tempo real.

Estamos desenvolvendo novas tecnologias para o carro. Será baseada em Linux, e nós estamos a tentar criar um sistema operacional Linux para o carro e que será chamado SAAB LINUX, eventualmente. Será capaz de conseguir coisas incríveis, verdadeiros sonhos realizados, como o reconhecimento do traçado, ou seja, a possibilidade de criar um piloto para o carro.

A nossa ideia, apesar de planearmos fazer este carro exclusivamente aerodinâmico é torná-lo fácil de conduzir. O sistema operacional SAAB Linux, permite que se controle todas as informações no carro e também mudar a forma como essa informação é exibida. Basta pressionar um simples botão e será capaz de alternar entre o modo aeronáutico e o modo automóvel, mostrando os controlos normais de um carro com os medidores de velocidade tradicional ou a mudança para a versão aeronáutica.
E nós sabemos, um carro pode ter um design muito bonito por fora mas sem a tecnologia no seu interior não é nada, é um conjunto vazio de linhas. Estamos a tentar reinventar cada conceito, prestando muita a atenção às Novas Tecnologias e como as aplicar de forma eficiente.

Nós estamos a fazer muitas coisas e é emocionante. Temos uma alegria enorme com isso.

MaisTuning - Qual seria o maior feito conquistado pelo grupo ao ponto de chegar a dizer que se tinha alcançado os objectivos do grupo?

Jesús Sánchez - Nós queremos fazer este carro. E queremos convencer a Saab de que deve ser feito e chamado 91.Queremos reinventar o conceito de satisfação do cliente com este grupo. Muitas vezes, as empresas estão isoladas dos clientes reais e não sabem o que os clientes realmente querem. A ideia deste grupo é, de maneira semelhante ao que Linux fez, criar o carro fora da fábrica, com todas as sugestões, com todas as ideias dos fãs e clientes. Queremos travar o conceito de " issolated castle " da indústria automóvel e dizer, hei senhores, isto pode ser feito melhor e queremos provar isso. Será uma tolice? Ok, então reclamar com a Boeing, porque eles fizeram exactamente isso com o Dreamliner, o 787 e eles estão muito orgulhosos dele. Resultou para o Linux, funcionou para um avião, porque não iria funcionar para um carro? Então dissemos, vamos a isso.

MaisTuning - Se as metas previstas para o clube forem conquistadas, e depois…? Como será o futuro do Jesus ligado à marca SAAB?

Jesús Sánchez - Não entendi bem a pergunta, se é no sentido de: Eu vou trabalhar para a SAAB ou não? Eu não recebi qualquer convite por parte da SAAB, mas, apesar disso, eles hão-de-me pagar todos os meses emocionalmente se manterem os trabalhadores na fábrica, se derem um futuro a essas famílias, aí vou-me sentir pago.

Jesús Sánchez - SAAB 91 PETITION AND SUPPORT GROUP

Ver este artigo na: língua Inglesa

  • Logo.jpg
  • EduardGray-desenho-lado.jpg
  • EduardGray-desenho-lado1.jpg
  • SAAB-Linux.jpg
  • EduardGray-foto-frente.jpg
  • EduardGray-foto-lado.jpg
  • EduardGray-foto-tras.jpg
  • FabioFerrante-frente.jpg
  • FabioFerrante-varios.jpg
  • Fabio-Ferrant-desenho-lado.jpg
  • SAAB-91.jpg
  • Cristian-Iannicello.jpg
Sem votos